Search for content, post, videos
Leggera tem a verdadeira pizza napolitana

Leggera tem a verdadeira pizza napolitana

Se você iniciar uma conversa agora com seus amigos vai ver que todos eles, mesmo que morem próximos, terão diferentes pizzarias para indicar como a “melhor pizza da vida”. E com essas indicações os motivos podem ser os mais diferentes: massa fina, massa grossa, muito recheio, melhor borda de catupiry e por aí vai.

Um argumento, muito válido nessas discussões, giram em torno do preço das pizzas. Afinal, em tempos de pouco dinheiro na conta podemos apelar para aquela pizza que não é incrível, mas dá conta de matar à vontade, não é verdade?

Então, fatos apresentados, vamos falar de como foi a experiência de comer, o que dizem, ser a verdadeira. A pizza napolitana. Mas antes, porque não, um pouco da história?

 

Mas de onde veio a pizza?

Como o objetivo do post não é comentar sobre a origem da pizza, vamos dar uma breve pincelada sobre a sua origem.

Ao contrário que muitos podem imaginar a pizza pode ter surgido de dois lugares e, para surpresa de muitos, nenhum deles é a Itália.

Relatos históricos afirmam que os egípcios foram os primeiros a misturar farinha com água. Outros dizem que podem ter sido os gregos que criavam suas massas à base de farinha, arroz ou grão-de-bico e assavam em tijolos quentes. O que, realmente, importa é que de alguma forma essas receitam chegaram na Itália.

Como em sua origem é possível encontrar diversas evidências quando o assunto é a cobertura de massas. Os fenícios, por exemplo, já usavam carne e cebola sobre a massa no século três antes de Cristo, ou seja, muito pano para manga, né?

Mas foi em Nápoles surgiu o nome picea, que fazia referência ao disco de massa assado com recheio por cima. Vendida por ambulantes e feita com ingredientes baratos, a refeição era voltada para a parte mais pobre da população por ser uma refeição barata e por “matar a fome”. Geralmente, para cobertura, eram usados ingredientes baratos como toucinho, peixes fritos e queijo.

 

A pizza da Leggera

Agora que já sabemos um pouco da história e o que esperar, podemos falar de como foi a experiência de comer, o que segundo eles, é a verdadeira pizza napolitana.

O ambiente da pizzaria é muito amigável. Simples, aconchegante e bem iluminado. Ao chegar na pizzaria você é recepcionado por um dos garçons, muito educados, diga-se de passagem, que te levam a mesa disponível. Caso seja sua primeira vez na casa, eles explicam como é a pizza, falam um pouco da história e que todos os embutidos – presuntos, pepperonis, etc – são produzidos artesanalmente pela própria pizzaria.

Em um primeiro momento é possível ficar impressionado com o tamanho da pizza, já que são 26 cm de massa servidos individualmente. Parece muito? Mas, não é. A gula ou fome, como preferir, pode fazer com que uma segunda rodada seja desejada facilmente. Além de saborosas as pizzas são lindas fazendo com o que o prazer de comer seja, ainda, maior.

Pizza Funghi: Molho de tomate, mozzarella fiordilatte, cogumelos assados no forno a lenha e manjericão.

Pizza Funghi: Molho de tomate, mozzarella fiordilatte, cogumelos assados no forno a lenha e manjericão.

 

A massa da pizza é leve e, bem, fina. Mas ao contrário que acontece com a maioria das pizzas finas que já consumi, essa massa não se desmancha no prato ao tentar cortá-la. Isso acontece porque a quantidade de molho e coberturas são dispostas na quantidade perfeita e dessa forma não comprometem a integridade da massa. A borda, grossa e crocante, também tem seu valor destacado para apreciadores de bordas como eu.

Mas é impressionante como o molho da pizzaria é incrível. Óbvio que adoro molhos de tomates, ainda mais quando são feitos “de verdade”, mas esse era especialmente delicioso e apenas serviu para realçar ainda mais o sabor dos ingredientes.

No cardápio, ao contrário do que estamos acostumados, não existem milhões de opções. São 19 opções de sabores, sendo 14 com molho vermelho e as 5 restantes com molho branco. E não existe a opção “meio a meio” que estamos acostumados, afinal, isso é uma invenção da américa. Os preços variam de R$31 a R$38 para as pizzas e calzoni.

A Leggera é daqueles lugares para guardar na memória com muito carinho já que oferece um serviço de extrema qualidade por um preço justíssimo. Afinal seu foco é oferecer uma pizza deliciosa e não o hype.

Próxima ao Allianz Parque (#VaiParmera) e ao Bourbon Shopping, a Leggera tem fácil acesso de carro, Uber e transporte público.

Fica a dica: quer fazer um passeio diferente com a namorada, namorado, rolo, crush, esposa, marido e etc? Esse é um daqueles lugares.

 

E ainda tem o Cannoli

Cannoli: pequenas doses de amor

Cannoli: pequenas doses de amor

 

Que para ser justo com ele, apenas posso afirmar que é divino. Qualquer outra tentativa de descrição não seria suficiente. Se você for a pizzaria coma o cannoli e, garanto, que não irá se arrepender.

Na verdade, caso você faça como eu e acabe comendo apenas um poderá bater, aquele leve, arrependimento.

 

 

Preços

Pizza Funghi: R$ 36,00
Calzoni: R$ 38,00
Refrigerante: R$ 6,80 (x2)

 

Informações

Leggera Pizza Napoletana

Endereço: Rua Diana, 80 – Perdízes – São Paulo.
Telefone: (11) 3862-2581
Facebook: https://www.facebook.com/leggerapizzanapoletana
Instagram: https://www.instagram.com/leggerapizzanapoletana/